HomeOutrosA CAFETINA E SUA DECLARAÇÃO DE “AMOR”!

A CAFETINA E SUA DECLARAÇÃO DE “AMOR”!

A CAFETINA E SUA DECLARAÇÃO DE “AMOR”!

É inegável a grande influência exercida pela mídia sobre as pessoas. Os meios de comunicação ditam a moda, os gostos, às regras comportamentais e até os valores que devem ser adotados. O fato é que a maior parte das pessoas, iludida pelo que é exposto pelos veículos de propaganda, acaba aceitando, resignada, tudo o que lhe é vendido. Atualmente, temo-nos deparado com um processo que vem sendo acentuado: a inversão dos valores éticos, morais e espirituais. Esta noite ao assistir uns dos noticiários da tv, fiquei espantado com o sensacionalismo que a nossa imprensa dá a determinados fatos. Uma celeuma se deu no aeroporto de Guarulhos em São Paulo, aonde chegava a nada menos Cafetina, ex-presidiária nem Nova Jersey – EUA, prostituta, dona de bordel, traficante etc… Andréia Schwartz. Nosso país passa por um período único da história. Um período de total inversão de valores da sociedade, alimentado pela mídia. Fica uma inquietante pergunta: o que provoca a inversão de costumes e valores no país? Nestes últimos anos, efetivamente, atingiu-se o cume, nos maiores escândalos políticos e sociais que assolam o Brasil, desde o descobrimento. É pelo menos o que a história comprova. Espanta-me e constrange observar a mídia escrita e televisiva de nosso país se aglutinando num aeroporto para entrevistar tal “celebridade” que promete dar uma coletiva a tal imprensa e se despede com um “eu amo vocês. O pior é temos que assistir tudo isso embasbacado. Estamos sendo exposto continuamente a fatos constrangedores e de tanto constrangimento que a sociedade quase não consegue reagir. Não que esse tanto de bagunça moral não seja notada, mas em tal volume fica difícil. Fico apreensivo pela juventude em sua fase de experimentação dos modos, condutas e conceitos ao assistir uma protagonista de um escândalo sexual, envolvendo um governador da cidade de Nova York transformada em celebridade, ao ponto de declarações em rede nacional “eu amo vocês”! Em breve tal personagem será atração em programas de entrevistas, atrações dominicais, e se brincar a mesma terá um programa infantil. (Deus salve nossas crianças). Poupe-me dessas declarações! É de ficar perplexo quando coisas que não tem nenhuma importância passam a ter mais importância do que as que têm. Quando as pessoas não percebem a diferença entre o bem e o mal, logo se encontram frente a frente com a ruína.

“Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem, mal! Que fazem da escuridade luz, e da luz, escuridade, e fazem do amargo doce, e do doce amargo!” (Isaías 5.20).

Pr Dário Gomes

Compartilhar com:
Avalie este artigo

Pastor Dário Gomes é o pastor auxiliar da ADESAL – MARECHAL RONDON Setor 21 Salvador – Bahia. Com mais de 320 artigos publicados e milhares de acessos todos os dias, é autor de um dos blogs mais lidos da Bahia.

dariogomespr@hotmail.com

Sem comentários

Deixe um comentário