HomeArtigosELEIÇÕES NA ADESAL: QUE TESOUREIROS E SECRETÁRIOS GOSTARIA DE TER!

ELEIÇÕES NA ADESAL: QUE TESOUREIROS E SECRETÁRIOS GOSTARIA DE TER!

urna-votacao

ELEIÇÕES NA ADESAL: QUE TESOUREIROS E SECRETÁRIOS GOSTARIA DE TER!

ELEIÇÕES NA ADESAL: QUE TESOUREIROS E SECRETÁRIOS GOSTARIA DE TER!

            Administração é a tomada de decisão sobre recursos disponíveis, trabalhando com e através de pessoas para atingir metas e objetivos. É o gerenciamento de uma organização, levando em conta as informações fornecidas por outros colaboradores e também pensando previamente as consequências de suas decisões.

            Os princípios da Administração (planejar, organizar, dirigir e controlar) são realizados por intermédio das suas principais funções administrativas: fixar objetivos e metas; analisar e conhecer os problemas; solucionar os problemas; organizar e alocar os recursos, tanto financeiros, quanto tecnológicos e humanos; liderar comunicando, dirigindo e motivando as pessoas; negociar; tomar decisões; controlar mensurando e avaliando.

            Assim como nas organizações seculares a igreja deve contar com pessoas-chave para que os princípios administrativos sejam cumpridos, podemos destacar os secretários (as), os tesoureiros (as) e no caso da Adesal os pastores setoriais.

            O pastor líder necessita mais do que secretários, tesoureiros, ele precisa que as pessoas nestas funções sejam seus assessores, sim, homens e mulheres dedicados ao Senhor e mais, detentores de conhecimentos, habilidades e atitudes positivas que possam colocar à disposição da obra de Deus as características que vão além de lavrar atas de assembleias, batismos e casamentos, contar as ofertas e pagar as contas ou, ainda, realizar eventos.

            Descrevo aqui meu desejo para os candidatos aos cargos de secretários e tesoureiros da nossa igreja:

Que secretário eu gostaria de ter: agenda

                                                         

  1. Que entenda que a secretaria da Adesal deve ser um referencial de atendimento ao público;
  2. Que promova a divulgação da visão, missão e valores do ministério, os objetivos para o ano ou outras informações que o líder deseja que seus membros tenham conhecimento;
  3. Que tenha visão do Reino e não interesses pessoais;
  4. Que estejam convictos de que o lucro da Adesal são almas;
  5. Que assessore seus pastores sem ultrapassar os limites de privacidade;
  6. Que saiba relacionar-se com os membros, de forma cordial com bons modos, estando atentos à realidade da igreja local;

A secretaria em nossa igreja ocupa igreja um lugar estratégico que nem sempre é aproveitada em sua totalidade, (às vezes por falta de investimento).

 

Que tesoureiro eu gostaria de ver: 

 

Calculator and financial reports desktop shot with a highlight on the bar graphs.

  1. Que saiba elaborar Orçamento;
  2. Que saiba planejar, provisionar (separar para) e realizar Investimentos;
  3. Que saiba buscar oportunidades com os pastores setoriais que possibilitem o Ministério alcançar suas metas;
  4. Que saiba acompanhar distorções nas entradas que possam trazer algum risco aos propósitos do Ministério e agir preventivamente;
  5. Que esteja atendo às mudanças na Legislação que envolve o Ministério.
  6. Que dê prioridade ao pagamento dos funcionários;
  7. Que tenha visão do Reino e não interesses pessoais;
  8. Que tenha o temor para entender que as entradas na tesouraria da igreja são sagradas, fruto da fidelidade e sacrifício dos fiéis para com Deus;
  9. Que saiba se relacionar com todos de forma cordial, bons modos, sensível a situação pessoal dos que recorrem à tesouraria;
  10. Que se esmere no esforço de ser imparcial.

            O responsável pelas finanças da igreja deve se preocupar tanto quanto o líder pelo crescimento e desenvolvimento, sendo capaz de observar às tendências e tomar ações proativas.

            Em fim, espero toda Diretoria saiba discernir que, assim como gerenciar uma empresa, gerenciar uma igreja é um caminho cheio de desafios. E que para enfrentar estes desafios tem que se levar em conta a questão espiritual e saber buscar o equilíbrio entre o espiritual e o racional. Até onde podemos ousar sem sermos imprudentes, até onde devemos racionalizar sem deixar de sermos espirituais ou insensíveis à voz de Deus? Como a igreja não é uma empresa, é necessário buscar sempre a direção de Deus e estar sensível ao Espírito Santo para a alteração de planos e investimentos.

Pr Dário Gomes

Compartilhar com:
Avalie este artigo

Pastor Dário Gomes é o pastor auxiliar da ADESAL – MARECHAL RONDON Setor 21 Salvador – Bahia. Com mais de 320 artigos publicados e milhares de acessos todos os dias, é autor de um dos blogs mais lidos da Bahia.

dariogomespr@hotmail.com

Sem comentários

Deixe um comentário